Ana Mello - escritora - contos, minicontos, poesia, Tira Bacana, Veredas, quadrinhos, haicai - Porto Alegre, Cachoeirinha, Rio Grande do Sul, RS

Textos

Mulheres

Bonitas ou feias,
gordas ou magras.
Amadas, esquecidas.

Dependentes ou não.
Carentes, envolventes.
Submissas, acreditas?

Quando amigas são fiéis.
Se inimigas são cruéis.
São mães e amam demais.

Perdoam e se doam.
Dizem não e cortam,
despedaçam o coração.

São avós e deixam tudo,
atendem pedidos
fazem carinho – fadas.

São amantes que choram,
riem e compartilham.

Trabalhadoras, sustentam,
enfrentam resignadas
duas, três jornadas.

Diferentes ou iguais
poderosas, virtuosas, evoluem.

Velhas ou meninas
puras ou impuras
cristalinas.

Masculinas e femininas
são controvérsia e emoção.

Ser mulher é um jeito
de viver, amar e crescer.
Por natureza ou opção.

Ana Mello
04/11/2012

 

 

Histórias da Clarinha

Verbetrix

Ana, Babá de bichos

Para onde vão os objetos perdidos?

Minicontando

Perseu/Medusa

Tira Bacana
livro online gratuito

Capa | Quem Sou | Livros | Palestras e Oficinas | Destaques | Prêmios | Blogs e Colunas | Mural de Recados | Contato